quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

FOIE GRAS

Pois é....o foie gras é uma iguaria francesa muito chique e muito cara que poucos tem condição de "apreciar" em um restaurante bacanudo. Seja por conta da fatura que esse jantar irá lhe torturar no final do mês ou por conta da conciencia da tortura que foi para esse figado parar em um prato com uma folha de salsinha em cima. 

O modo de preparo é muito simples:
- junte em uma granja milhares de gansos;
- prenda eles em jaulas minusculas que eles nem possam esticar as asas ou virar de um lado para outro, deixando suas patinhas deformadas por causa das grades e só fiquem com os pescoços para fora;
- alimente-os forçadamente varias vezes ao dia para que engordem muito e sobrecarreguem seu organismo com gordura acumulada e seus figado ficarem enormes (mais que 3x o tamanho normal) por conta da severa ESTEATOSE HEPATICA adquirida o mais rapido possivel;
- para turbinar essa engorda, o granjeiro com um funil entuba 30 centimetros de mangueira guela abaixo em seus gansos uma combinação de farelo de milho com agua a ponto de muitos bichinhos não aguentarem tanta comida e morrerem empachados;
- os que viverem a essa tortura, são sacrificados, seus figados doentes retirados e emabalados a vacuo para um restaraunte muito chique comprar.

Pronto!

Ai da pra perceber como é facil o carboidrato se transformar em gordura e como ela é armazenada no corpo, não apenas em gordura sob a pele mas tbm nos orgãos deixando-os doentes feito bomba relogio prestes a explodirem sem avisar.
Foi assim, que descobri em um exame de rotina que agora dá pra fazer um Foie Gras com meu figado! Não precisei ficar numa jaulinha e nem que colocassem um tubo direto no meu estomago pra estufa-lo com milho, simplesmente desrregulei minha alimentação, voltei para obesidade e sobrecarreguei meu organismo com muita gordura.
Estou muito assustada com as coisas que pesquisei sobre essa doença, meu retorno com o medico ainda esta longe e tudo que penso em comer já lembro do meu pobre figado doente

...pela primeira vez tudo perdeu a graça....

7 comentários:

  1. A gente pode mudar nossa história. O ganso não!

    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  2. Putz, gordura no fígado é foda ... É bastante comum gordinhos terem, eu não tenho, meu médico até achou estranho ...

    A parte "boa" é que se vc realmente quiser operar o estômago o plano de saúde libera mais facilmente pq entra como comorbidade, acho que nem precisa ter imc 40 para eles liberarem ...

    Beijocassssssssss

    ResponderExcluir
  3. Ainda bem que você descobriu a tempo de mudar a situação, né?
    Farei meus exames em breve, e também estou com medo!
    Só assim prá gente aprender a se cuidar direito, não acha?
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  4. Na hora que comecei a ler pensei "não acredito que a Selma vai fazer Fois Gras!" rsrs

    Amiga, a boa notícia é que o fígado é o órgão de maior poder regenarativo que temos. Até antes da cirrose, coisa que vc não tem.

    Vamos em frente!

    Um beijão

    ResponderExcluir
  5. Sabe que eu sempre adorei Foie Gras e, desde que fiquei sabendo como ele é obtido, passei a ficar extremamente constrangida em consumir. Nunca mais comprei (se bem que eu comprava raramente, é caro...)e quando estou em algum restaurante ou evento em que ele seja servido, não vou negar que até como, mas me dói. Já recusei também, quando o olho grande foi menor do que a consciência.
    Sobre o seu fígado, ele pode ser restaurado, a partir das mudanças que você pode e certamente vai promover na sua alimentação, no seu estilo de vida. O médico do meu marido explicou que muita gente (a maioria) possui gordura no fígado, sendo que em muitos casos basta melhorar a aimentação e deixar o sedentarismo que isso já resolve. Já que você se assustou tanto, use isso de forma produtiva, lembre-se quando for exagerar e será mais um fator motivacional para manter-se mais na linha, juntando naturalmente a muitos outros objetivos bacanas, bem mais alegres, que certamente você quer e merece alcançar através do tratamento mais cuidadoso com a sua saúde, qualidade de vida etc. tá? Beijoca querida, tudo de bom, estou aqui na torcida, sempre de mãozinha dada!

    ResponderExcluir
  6. Sabe que exatamente por tomar conhecimento dessas coisas que fazem com os animais, que parei de comer qualquer coisa de origem animal? Engraçado que não era esse meu objetivo, mas acabei emagrecendo com isso! Tinha 64kg quando virei vegana, alguns meses atrás. Agora, estou com 58kg e mais leve ainda está minha consciência. Essas atrocidades também são feitas com outros animais.
    Bom, mas tenho certeza que uma mudança no estilo de vida, vai resolver o problema que enfrentas agora. Boa sorte. Estou na torcida!

    ResponderExcluir